Reflexão

 

 

 

 

 

 

Este texto reflete com clareza aquilo que pensamos e acreditamos sobre o momento que estamos enfrentando.

Ele reforça a ideia que tudo está sobre controle, que a espiritualidade está fazendo a sua parte e que compete a nós fazermos a nossa. Que é acreditar sempre no Pai. (11/04/2020)

Um tempo para simplesmente ser e confiar

por Adriana Garibaldi (retirado do site Somostodosum Stum)

Aceite este momento de pausa, mantendo a expectativa do melhor.

Se o fato de estar em si mesmo tem atemorizado seu coração, convido você para testar a sua entrega a esse processo.

Em momentos como este em que o campo das emoções é posto à prova e as reservas internas parecem exaurir-se, se abrace, escutando seu coração.

 

Entenda este momento como uma oportunidade valiosa de desafiar seus antigos paradigmas. Perdoe e se perdoe. Perdoe você por inúmeras vezes ter fugido de si mesmo, e no mais profundo da sua alma, aceite-se.

Compreenda que você é um ser único, com potenciais também únicos.

Seja luz, vibre luz!

Se abrace com amor neste momento em que não é possível abraçar os outros. Você pode, a hora de fazê-lo é esta.

 

Recolha-se a seu lugar à parte dentro de si mesmo, sem medo de seus medos, de sua sombra, de suas angústias, nem sequer de sua raiva, que haverá de aflorar em alguns momentos. Não tema a raiva, ela está aí para mostrar-lhe o tamanho de suas feridas.

Respire, retenha o ar por alguns segundos e solte.

Não tema as suas feridas, elas estão aí para testar o tamanho de seu amor a si mesmo. Olhe para elas e cure-as.

 

A coragem parece uma força que você se habitou a direcionar para fora, para demonstrar aos outros e ao mundo o quanto você é poderoso e autossuficiente. Não precisa mais disso, mas da coragem para reconhecer que é vulnerável e humano, não se envergonhe por isso. Reconheça o que o amedronta muito mais profundamente que um vírus invisível. Reconheça você, e não tema sua luz.

Por favor, olhe para si.

 

Nutra-se, ame-se! Tudo está no lugar, tudo é perfeito, da forma que se apresenta. Nada foge ao controle da sabedoria do universo. Se a confusão e insegurança reinam em torno de si, se recolha para ouvir sua alma. Silencie e ouça o som de renovação que bate a porta dos seres humanos com a melodia da esperança. Nada tema... Tenha fé.

 

O vendaval que destrói a paisagem, pelo poder da natureza, reconstrói-se e renasce mais bela.Você está a salvo agora de seus únicos e mais temíveis inimigos. A ilusão, o egoísmo e o desamor.

O planeta está adentrando num curso intensivo para aprender essa lei, definida por um único vocábulo, que profetas e mestres de todos os tempos têm se esforçado em nos relembrar, palavra que representa a própria essência do ser, mas que por algum motivo, foi esquecida por longo tempo.

Essa palavra é Amor.

Você está reaprendendo agora.

Recolha-se, medite, tenha fé.

Ame, por favor. Ame incondicionalmente.

Olhe para seu entorno e sinta um doce perfume de renovação. Esteja bem.

Vibre luz! Seja luz!

*****************************************************************

 

 

 

Religião x Espiritualidade


A religião não é apenas uma, são centenas.
A espiritualidade é apenas uma. 
A religião é para os que dormem.
A espiritualidade é para os que estão despertos. 
A religião é para aqueles que necessitam que alguém lhes diga o que fazer, querem ser guiados.
A espiritualidade é para os que prestam atenção à sua Voz Interior. 
A religião tem um conjunto de regras dogmáticas.
A espiritualidade te convida a raciocinar sobre tudo, a questionar tudo. 
A religião ameaça e amedronta.
A espiritualidade lhe dá Paz Interior. 
A religião fala de pecado e de culpa.
A espiritualidade lhe diz: "aprende com o erro". 
A religião reprime tudo, te faz falso.
A espiritualidade transcende tudo, te faz verdadeiro! 
A religião não é Deus.
A espiritualidade é Tudo e, portanto é Deus. 
A religião inventa.
A espiritualidade descobre. 
A religião não indaga nem questiona.
A espiritualidade questiona tudo. 
A religião é humana, é uma organização com regras.
A espiritualidade é Divina, sem regras. 
A religião é causa de divisões.
A espiritualidade é causa de União. 
A religião lhe busca para que acredite.
A espiritualidade você tem que buscá-la. 
A religião segue os preceitos de um livro sagrado.
A espiritualidade busca o sagrado em todos os livros. 
A religião se alimenta do medo.
A espiritualidade se alimenta na Confiança e na Fé. 
A religião faz viver no pensamento.
A espiritualidade faz Viver na Consciência. 
A religião se ocupa com fazer.
A espiritualidade se ocupa com Ser. 
A religião alimenta o ego.
A espiritualidade nos faz Transcender. 
A religião nos faz renunciar ao mundo.
A espiritualidade nos faz viver em Deus, não renunciar a Ele. 
A religião é adoração.
A espiritualidade é Meditação. 
A religião sonha com a glória e com o paraíso.
A espiritualidade nos faz viver a glória e o paraíso aqui e agora. 
A religião vive no passado e no futuro.
A espiritualidade vive no presente. 
A religião enclausura nossa memória.
A espiritualidade liberta nossa Consciência. 
A religião crê na vida eterna.
A espiritualidade nos faz consciente da vida eterna. 
A religião promete para depois da morte.
A espiritualidade é encontrar Deus em Nosso Interior durante a vida.

(Texto retirado do Blog Trilho de Luz)

 

*********************************************************************

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Já sabemos da eficácia dessa técnica e sempre ficamos curiosos a respeito do seu surgimento e quem a decodificou... Vamos falar sobre isso, neste pequeno texto.

José Lacerda de Azevedo médico que nasceu (1919) e desencarnou (1997) em Porto Alegre-RS.

O médico gaúcho, depois de tomar conhecimento de um estudo feito pelo Sr. Luis J. Rodriguez, cidadão porto-riquenho, sobre Hipnometria, técnica que propunha um desacoplamento do perispírito, por meio da qual um médico poderia acessar a intimidade energética do paciente e pinçar nos bancos de memória espiritual, fatos e ocorrências infelizes do pretérito, responsáveis por transtornos psíquicos e somáticos identificados na presente encarnação.

Dr. José Lacerda se interessa pelo assunto e cria toda uma sistematização das pesquisas nesse campo. Depois de certo tempo de trabalho, achou o nome impróprio, porque  Hipnos em grego significa sono, o que indicava que o paciente era colocado em sono, o que não ocorre. Então o nome foi trocado. Apo em grego é um a preposição que significa fora de, e Metron, em grego significa medida. Então a Apometria é um fenômeno de desdobramento do indivíduo de seu corpo físico em estado de vigília. Dr. Lacerda foi responsável pela criação de leis, do estudo de várias síndromes obsessivas, de técnicas operacionais e a formação de um expressivo número de médiuns e de operadores familiarizados com a sugestiva metodologia de investigação da alma humana.

 “A Apometria, repetiremos sempre, não é uma panacéia. É apenas uma técnica complementar de investigação da alma humana.” (Vitor Ronaldo Costa)

 

Sugestão de livros que podem ajudar num maior conhecimento:

Espírito/Matéria=Novos Horizontes para a Medicina - José Lacerda de Azevedo

Desobsessão & Apometria - Análise à luz da Ciência Espírita - Vitor Ronaldo Costa

Apometria: Novos horizontes da medicina espiritual - Vitor Ronaldo Costa

******************************************************************************************


 

Apometria

Reflexão