Livros Para Aumentar o nosso Conhecimento

Dos cinco livros fundamentais que compõem a Codificação do Espiritismo, este foi o primeiro, reunindo os ensinos dos Espíritos Superiores através de médiuns de várias partes do Mundo. Ele é o marco inicial de uma Doutrina que trouxe uma profunda repercussão no pensamento e na visão de vida de considerável parcela da Humanidade, desde 1857, data da primeira edição francesa. Estruturado em quatro partes e contendo 1.019 perguntas formuladas pelo Codificador, aborda os ensinamentos espíritas, de uma forma lógica e racional, sob os aspectos científico, filosófico e religioso. Independentemente de crença ou convicção religiosa, a leitura de "O Livro dos Espíritos" será de imenso valor para todos, porque trata de Deus, da imortalidade da alma, da natureza dos Espíritos, de suas relações com os homens, das leis morais, da vida presente, da vida futura e do porvir da Humanidade, assuntos de interesse geral e de grande atualidade.

Esta obra trata das manifestações espíritas e dos médiuns, portanto, da parte fenomênica do Espiritismo, e o caracteriza como ciência de observação que cuida das relações entre o mundo corpóreo e o mundo invisível ou espiritual. É um manual indispensável para todos aqueles que queiram participar das atividades mediúnicas, ou simplesmente queiram conhecer a natureza e os mecanismos da mediunidade. No final desta obra, há um Índice Analítico dos Assuntos, reunindo, em ordem alfabética, todos os verbetes que podem interessar aos estudiosos. Allan Kardec, quando redigiu seus livros, escreveu para o povo, em linguagem simples, e, sendo esta uma tradução literal, a linguagem simples original ficou preservada. Além disto, e principalmente, o tradutor respeitou a integridade do livro, que deve ser considerado sagrado, e não acrescentou nem sua opinião pessoal, nem notas de rodapé que não estavam no original.

Baseado em instruções de Espíritos Superiores, sempre registradas nos finais dos Capítulos, Kardec explica as máximas morais de Jesus, convidando-nos a vivenciá-las no nosso dia-a-dia. Expondo com clareza e simplicidade à razão e ao coração, é o livro de cabeceira de milhares e milhares de criaturas. A sua introdução define o objetivo desta obra: abordar exclusivamente o ensinamento moral do Evangelho, pois esse código divino “é, acima de tudo, o caminho infalível da felicidade esperada”.

Seu principal escopo é explicar a Justiça de Deus à luz da Doutrina Espírita. Objetiva demonstrar a imortalidade do Espírito e a condição que ele usufruirá no mundo espiritual, como consequência de seus próprios atos. Divide-se em duas partes: A primeira estabelece um exame comparado das doutrinas religiosas sobre a vida após a morte. Mostra fatos como a morte de crianças, seres nascidos com deformações, acidentes coletivos e uma gama de problemas que só a imortalidade da alma e a reencarnação explicam satisfatoriamente. Kardec procura elucidar temas como: anjos, céu, demônios, inferno, penas eternas, purgatório, temor da morte, a proibição mosaica sobre a evocação dos mortos etc. Apresenta, também, a explicação espírita contrária à doutrina das penas eternas. A segunda parte, resultante de um trabalho prático, reúne exemplos acerca da situação da alma durante e após a desencarnação. São depoimentos de criminosos arrependidos, de Espíritos endurecidos, de Espíritos felizes, medianos, sofredores, suicidas e em expiação terrestre.

A criação da Humanidade (corpórea e espiritual) e do mundo material sempre foi, desde a Antiguidade, um tema palpitante e polêmico. E, nesta obra, Kardec mostra-nos que a Revelação Espírita lança intensa luz sobre essa grande questão. Dois outros temas interessantes são também analisados: os Milagres e as Profecias - no sentido amplo e, em particular, no Evangelho -, tornando-os compreensíveis e naturais ao nosso entendimento. No capítulo final, Os Tempos são Chegados, o Codificador alerta-nos sobre o difícil período de transição que atravessamos, transmitindo-nos muita esperança e fé. No final desta obra, há um Índice Analítico dos Assuntos, reunindo, em ordem alfabética, todos os verbetes que podem interessar aos estudiosos.

O livro traz um aprofundado estudo sobre o uso de energias mentopsíquicas, associadas ao mediunismo, de maneira a constituir-se numa valiosa terapia coadjuvante ao tratamento de enfermidades e processos obsessivos. Inúmeros casos de estudo, permitemao leitor compreender complexos problemas de saúde e seu tratamento através de terapia inovadora e eficaz. Sem postular a condição de uma nova ciência, doutrina espiritualista ou filosófica, a Apometria tem muito de todas elas, constituindo-se num valioso instrumento de trabalho a quantos, em centros espíritas ou casas umbandistas, dedicam-se a servir ao próximo com amor e por amor.

Este livro tem por finalidade auxiliar os trabalhadores do campo do psiquismo, através do relato de experiências levadas a efeito com habitantes da dimensão espacial, vizinha ao mundo físico em que vivemos, ou seja a dimensão extrafísica, onde residem os seres que deixaram o corpo carnal. A Apometria, técnica desenvolvida pelo Dr. José Lacerda de Azevedo, revolucionou as possibilidades anímico-mediúnicas, abrindo novos horizontes no campo das pesquisas psíquicas. O livro, retrata aspectos dessa nova realidade, tornada palpável graças à Apometria.

A Apometria não é uma panaceia. É apenas uma técnica magnética de abordagem da alma humana. A presente obra se propõe a analisar o assunto por meio do viés espírita, buscando incorporar ao acervo experimental da Doutrina aquilo que se mostra ético e em perfeita consonância com as diretrizes sugeridas por Allan Kardec. Ressalta, ainda, a importância da conjugação de pensamento, magnetismo, mediunidade e auxílio dos mentores, tudo posto a serviço do bem comum, gratuitamente, em ambiente essencialmente espírita.

"A Apometria é ainda uma possibilidade muito nova e para conhecê-la se faz necessário praticá-la com consciência do que se está a fazer, com paciência e principalmente com o nosso ser fundamentado no Evangelho". O livro aborda temas como distúrbios espirituais, indução e obsessão espiritual, pseudo-obsessão, simbiose, parasitismo, vampirismo e outros.

A Apometria é uma técnica terapêutica disponibilizada pelo Plano Espiritual para atendimento fraterno, respeita e convive em perfeita sintonia com todas as religiões que se orientam na prática do bem e do amor fraterno. A experiência do autor Norberto Peixoto como médium sacerdote e dirigente de trabalho desobsessivo apométrico deu origem a essa obra indispensável para todo trabalhador e pesquisador espiritualista. Além de esclarecedora, essa obra é um guia de trabalho prático que pode ser aplicado em qualquer agrupamento, desde que seja universalista e aberto à manifestação mediúnica dos Falangeiros de Aruanda. Esclarece a invocação das linhas dos Orixás na dinâmica dos atendimentos e outros instigantes temas do Universo da Umbanda, a maneira didática e a linguagem simples do autor os tornam acessíveis e de fácil entendimento.

A Apometria vem se afirmando como uma das técnicas de atendimento mais eficazes já transmitidas à Terra pelo Plano Espiritual. Desde sua estruturação, há várias décadas, pelo médico José Lacerda de Azevedo, de Porto Alegre, vem se destacando no tratamento das patologias mais rebeldes e intrincadas da alma — incluindo os casos complexos de magia das Sombras, que desafiam as abordagens clássicas de tratamento espiritual. Aprofundando a compreensão do fenômeno, desfazendo equívocos de interpretação, dimensionando com a lógica espiritual os contornos éticos de seu exercício, esclarecendo o como e o porquê da parceria — que já nasceu com ela — da Apometria com a Umbanda. Os autores são, na maioria, médicos ou escritores — ou ambos — e dirigentes de grupos apométricos, todos trabalhadores experimentados na área espiritual, sendo dois ex-presidentes da SBA — Sociedade Brasileira de Apometria. Sua experiência diversificada permite enriquecer a abordagem do universo da Apometria com os conhecimentos de áreas afins — Umbanda, Psiquiatria, Terapia de Vida Passada, Esoterismo, Medicina, Homeopatia, Florais; e junto com a vivência em grupos mediúnicos universalistas, espíritas, umbandistas, coloca luzes esclarecedoras sobre meandros poucos compreendidos ou ignorados da teoria e da prática apométricas.

Ramatís é porta-voz dos conhecimentos milenares da chamada Sabedoria Secreta, que os Dirigentes Planetários desejam devolver gradualmente à consciência da humanidade, num grande projeto que envolve todas as correntes espiritualistas. Em 'Chama Crística', ele estabelece a conexão dessa Sabedoria Oculta com suas fontes originais; a Lei Maior Divina - Aumbandhã ou Conhecimento Integral - trazida de outros mundos siderais, e presente no planeta desde as mais antigas raças. Revela particularidades desses exilados de outras constelações e sua trajetória no planeta, após a chegada na Atlântida. Para tanto, revive sua condição de antigo Mestre Atlante, mostrando as técnicas sutis com que essa Magia Divina dos Templos da Luz continua a operar no Plano Astral, junto com médiuns encarnados, no resgate dos sofredores e líderes das trevas. Dos arcanos dessa Ciência Secreta, nos transmite noções de Física Cósmica, chacras siderais e buracos negros, campos dimensionais e eixo planetário. Detalha a magia do magnetismo curador, dos enxertos ectoplásmicos, da fitoterapia astral, dos Quatro Elementos, e da antiga medicina Ayurvédica da Índia. Entre múltiplos ensinamentos e revelações, ele sublinha o Universalismo, base da nova consciência planetária: “A Espiritualidade é universalista, crística, não existindo do lado de cá sectarismos, seitas ou religiões, dogmas ou ritualismos exclusivistas.”

Ramatís traz, nesta obra, um novo espectro de conhecimentos para ampliar nossa penetração no infinito universo dos fenômenos "ocultos".

Na tônica universalista que o caracteriza, Ramatís empenha-se agora em elucidar realidades pouco compreendidas que se conhecem como orixás, sete linhas vibratórias, oferendas, magia na natureza, elementais, agentes mágicos, e outros. Situa essas realidades no contexto iniciático, correlacionando-as com a regência vibratória dos astros e os Grandes Princípios Cósmicos que representam. Umbanda e Apometria são analisadas com a peculiar objetividade e profundeza do pensamento desse antigo mestre atlante.

Lembrando que "a maior parte dos grandes progressos tecnológicos e científicos verificados na História ocorreu por influência de culturas extraterrestres", aponta a intervenção genética dessas culturas na formação de raças terrestres; e analisa, sob a ótica espiritual, os processos científicos de clonagem humana.

Uma preciosa contribuição para umbandistas e espiritualistas estudiosos é a participação da entidade extraterrestre que adota a personalidade de Vovó Maria Conga. Com a mesma limpidez de estilo de Ramatís, ela esclarece algumas das mais controvertidas facetas desse culto de raízes milenares - a Umbanda.

Esta obra é parte do grande livro esquecido da Sabedoria Cósmica, que a humanidade começa a redescobrir para compor o Conhecimento Integral da Nova Era.

  Trilogia: Um Guia de Estudos da Umbanda,  Norberto Peixoto orientado pelo espírito Ramatís é formada por 3 volumes: Umbanda Pé no Chão; Diário Mediúnico e Mediunidade e Sacerdócio.

 

 

 

O volume 1:- esclarece sobre temas relacionados aos orixás (energias cósmicas), exus (elemento deslocador de fluido cósmico entre os planos) e sua ação como agentes de reajustamentos cármicos, as formas de apresentação dos espíritos, a finalidade dos amacis e das ervas, os florais e suas afinidades com os orixás, a magia como movimentação de energia voltada para a caridade, além de preciosos detalhes sobre o desenvolvimento mediúnico.

 

 

 

 

 

O volume 2:- Traz importantes elucidações sobre o dia a dia dos trabalhos de um grupo mediúnico umbandista, apresentando um paralelo entre os acontecimentos dos planos da vida. Com uma linguagem simples e objetiva, este livro analisa os traumas psíquicos causados pelos abusos espirituais, os processos sutis de obsessão aos médiuns e de assédio às casas espíritas, as iniciações e os elementos utilizados nos trabalhos, exaltando os verdadeiros fundamentos umbandistas alicerçados no respeito à vida animal.

 

 

 

 

 

 

O volume 3:-Encerra a trilogia, abordando relevantes questões sobre o mediunismo na seara umbandista. As características dos guias espirituais que laboram do lado de lá, dando cobertura aos trabalhos mediúnicos, são narrados com instigantes detalhes, explicando com clareza a “especialidade” ou esfera de ação de cada falange. Apresenta um trabalho de pesquisa na área de Antropologia da Religião, conduzindo o leitor a refletir sobre os motivos pelos quais a Umbanda, uma religião mediúnica tipicamente brasileira, de inclusão espiritual, voltada para a prática da caridade, estaria perdendo espaço no imaginário popular para os evangélicos neopentecostais, conforme apontam os últimos censos.